Nas lojas – Outono/Inverno ’14

Pois ao contrário do que eu pensei, ontem eu não estava rolando na lama e sim passeando no shopping – fomos almoçar com amigas do coração, e acabei fotografando algumas vitrines e displays para mostrar pra vocês o que está nas lojas essa estação. Perdão pelas fotos de celular!

Amei esse tapete da Zara Home e os vasos do display azul. O tapete eu queria trazer pro meu escritório!

Vitrine da Dwell, que é uma loja bem moderninha, dando um toque de Highlands na decoração. Adorei a luminária do fundo.

A Marks & Spencer está super natalina – ainda que discretamente em alguns lugares. Estou pensando se vou montar árvore de Natal ou não – afinal, quantos dias sobrevive uma árvore de Natal em casa com gatos? – e super curti esse snow (e já vi que no website tem joy também) ou essa estrela como alternativas.

E como filha de peixe, peixinha é, olha aí a minha menina se divertindo na loja:

Lily-shopping

Ela adora olhar os acessórios e fica “Olha essa almofada, mãe. Olha aquilo ali, mãe”. Diz ela que quer “desenhar casas igual a mamãe” quando crescer. Oremos!

Esquema de cores – verde azulado/azul esverdeado

Há um tempo, uma amiga me pediu uma mão para dar uma mudada no visual da sala dela. Ela construiu um solário – ainda vou falar sobre isso aqui! – como extensão do espaço social da casa e queria mudar tudo. A única coisa que ela queria manter eram as cortinas, dessa cor verde-azul (cor que chamamos de teal em inglês).

Com essa cor em mente, montei dois esquemas de cor para ela, um com cores complementares e outro com cores análogas. A ideia era criar um ambiente sofisticado e aconchegante, e que fosse a cara dos moradores da casa.

esquema-de-cor-verde-azul-contraste esquema-de-cor-verde-azul-harmonia

Para cada um dos esquemas, eu escolhi três cores base e duas cores neutras. A cor das cortinas é a do meio nas fileiras de cima. No fim, o segundo esquema foi o escolhido e esse o foi o moodboard que eu preparei:

esquema-de-cor-verde-azul-moodboard

A grande decepção foi esse papel de parede amarelo, que na descrição estava como “ocre” – e eu imaginei um amarelo bem próximo ao do esquema de cores – e na vida real era verde! Uma lição aprendida: sempre que possível, conferir uma amostra do produto pra ver se é da cor que você está vendo mesmo, rs.

Esquemas de cor é um dos serviços que eu ofereço – para mais informações, é só entrar em contato!

{Imagens: Primeiro esquema de cor – cozinha. flores. Segundo esquema de cor – sala. a sopa foi copiada desse site, mas a foto não existe mais por lá. Produtos: Habitat. John Lewis. Next. Ikea. Homebase. Dulux. }

Cinco elementos que todo quarto deve ter – LUZ!

Chegando hoje ao quarto e penúltimo capítulo da nossa série (veja os anteriores aqui, aqui e aqui), hoje vamos falar de luminárias.

5 elementos

Veja bem que eu usei a palavra luminária. Poderia ter dito abajur, é verdade, mas se eu falo abajur, a imagem na minha cabeça é essa aqui. E não tem nada de errado com o abajur da foto, mas o que eu realmente queria mostrar com esse post é que luminária de quarto não precisa um abajur: ela pode também ser uma peça de design, ou algo tão discreto que mal se nota na decoração. E elas trazem a luz, parte essencial da arquitetura e do design de interiores – acertar na iluminação é meio caminho andado para compor um ambiente matador.

Poderia ficar horas aqui escrevendo sobre luz, mas espantaria meus três fiéis leitores (oi mãe!), então vamos à seleção de hoje.

Menção honrosa vai para a Piccolo do designer carioca Patrick Nascimento (já falamos dela aqui), que super combina com meu gosto. Dentre as sugestões de hoje, eu gosto muito da Fitz da Habitat, que é baratinha e bem mais bonita pessoalmente do que na foto. Comprei a versão amarela dela para a renovação do quarto da minha filha (que no momento está empacada) e assim que eu conseguir tirar esse quarto do papel eu fotografarei a luminária para o blog (apesar de o meu marido estar com medo de usar a luminária porque ela é de vidro e ele está com medo das gatas quebrarem. Oremos.)

Outra que eu gosto muito é a Malika, gosto muito dessa vibe árabe que ela tem, me lembra os muxarabis com seus desenhos delicados e lindos.

Lembrando que sempre os links e preços estão corretos na data (e hora) da publicação, mas podem sofrer alterações.

Voltem amanhã para o capítulo final dessa série que eu estou amando escrever!